Ir para conteúdo

Lucas Bebê anuncia a sua aposentadoria

Foto: El Pais

No último dia 27 de janeiro, o Fortaleza Basquete Cearense anunciou o desligamento do pivô Lucas “Bebê” Nogueira da sua equipe. Na nota emitida pelo clube, informava que o rompimento do contrato foi um pedido do atleta.

A decisão pegou todos com uma certa “surpresa”.

Precisamos lembrar, que semanas antes o jogador já tinha se desentendido com o treinador Alberto Bial e também estava com pelo menos um mês de salário atrasado. Além disso, o atleta lutava com seguidas lesões que atrapalharam bastante uma possível sequência de jogos pelo time cearense.

Porém, a saída do atleta no “meio” do campeonato foi algo incomum para os padrões do Novo Basquete Brasil (NBB).

CONHEÇA O BLOG DO SOUZA!

Após o anúncio, a notícia que o Lucas teria se machucado mais uma vez  veio à tona. Com isso, ficava cada vez mais evidente que uma possível aposentadoria do jogador seria anunciada nos próximos dias.

E esse dia chegou.

Na tarde desta quarta (03), o agora ex-jogador voltou ao Instagram para falar abertamente sobre o assunto.

Confira o vídeo abaixo.

Carreira

Lucas Riva Amarante Nogueira, mais conhecido como Lucas Bebê, teve uma trajetória que se dividiu entre Espanha e Estados Unidos.

Ainda nas categorias de base, rumou à capital espanhola, onde alternou entre Estudiantes de Madrid e CB Las Rozas até o ano de 2013, quando participou do Draft da NBA.

Apesar de ser escolhido na 16ª posição pelo Boston Celtics, Bebê optou por adiar sua passagem por solo norte-americano e retornar ao Estudiantes para disputar a temporada 2013/2014 e se preparar melhor para a NBA.

Lucas Bebê ao ser selecionado no Draft. Foto: Divulgação/Agência AP

Na metade de 2014, ao fim da temporada na Espanha, Lucas Bebê voltou aos Estados Unidos para participar da Summer League com Toronto Raptors, que o contratou de forma definitiva após o torneio de verão. Em quatro anos de NBA, todos pela franquia canadense, o brasileiro disputou 141 partidas, tendo médias de 3.2 pontos, 2.8 rebotes e 1 toco por jogo.

Jogar na melhor liga de basquete do mundo pode nos levar a crer que Lucas possuía uma “vida dos sonhos”. No entanto, o gigante de 2,13m enfrentou diversos problemas físicos e mentais, que o afastaram do esporte por algum tempo. Em 2018, ao fim de seu contrato com os Raptors, Bebê retornou à Espanha para atuar no Montakit Fuenlabrada. No entanto, entrou em quadra apenas nove vezes e, sofrendo com lesões, deixou a equipe para se cuidar física e mentalmente.

Após quase três anos lutando contra a depressão e diversas lesões, Lucas retornou ao mundo da bola laranja ao assinar com o Fortaleza Basquete Cearense para a disputa do NBB 2020/21. Essa foi a última equipe do jogador brasileiro.

Felipe Souza Ver tudo

Sou o criador do site HSBasketballBR, Blog do Souza e fui co-criador do Live College BR. Fui o primeiro brasileiro a escrever sobre high school para um site americano, o D1Vision. Trabalhei para a Liga Super Basketball como repórter e assessor de imprensa. Também escrevi para os blogs como Jumper Brasil e TimeOut Brasil, tive textos publicados pelo Bala Na Cesta. Trabalho de Scout nas horas vagas e acredito que o estudo diário do basquete, me faz um profissional melhor.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: