Ir para conteúdo

A saída de Fuller atrapalhará o Cerrado?

Dentro de quadra, 2021 começou interessante para o Cerrado Basquete, que deixou a lanterna do Novo Basquete Brasil (NBB) após vencer as duas partidas disputadas neste ano. No entanto, a equipe acaba de perder seu cestinha na atual temporada: J.C Fuller. Hoje, no Blog do Souza, discutiremos o quanto a saída de Fuller atrapalhará o embalo do Cerrado para o segundo turno do NBB.

Nos dois jogos disputados em 2021, o Cerrado venceu as equipes de Brasília e Campo Mourão. Na segunda partida, o time já estava sem Fuller, que está de saída para seu pais natal, os Estados Unidos.  Lá,  jogará na NBA G-League. O Blog do Souza apurou e divulgou a informação neste sábado.

Com as vitórias, o Cerrado subiu para a 14ª posição com 3 vitórias em 14 jogos, empurrando seu rival Brasília para o último lugar.

A saída de J.C Fuller atrapalhará o Cerrado no NBB?

Com 15.2 pontos por jogo, o ala-armador é o cestinha da equipe da capital na atual temporada e contribui com 4.2 rebotes e 3.2 assistências. Além disso,  o norte-americano possui uma eficiência de 12.5, estando atrás de Paulo e Coelho, que possuem 12.7 de EF.

Foto: Divulgação / Cerrado Basquete

A princípio, a saída de J.C Fuller terá certa notoriedade devido aos bons números do norte-americano. No entanto, sem seu grande volume de arremessos, o restante da equipe poderá trabalhar mais a bola .

Na vitória por 74 a 66, diante de Campo Mourão, a pontuação de Cerrado foi  mais equilibrada que o comum. Além de Paulo (13) e Coelho (11) que costumam ter boas pontuações, nomes como Douglas Nunes (17) e Von Haydin (15) apareceram bem ofensivamente e supriram a ausência do norte-americano. Ou seja, a equipe mostrou ter repertório para conseguir se virar sem Fuller.

Conheça o canal do Blog do Souza no YouTube!

Acima de tudo, é primordial que o time consiga manter o nível das duas últimas atuações. Nos próximos cinco jogos, o Cerrado enfrentará Corinthians, Minas, Campo Mourão, Pato e Fortaleza BC. Dessas equipes, todas estão à frente do time brasiliense na classificação.

Está permitido sonhar?

As vitórias deste início de ano fazem com que o Cerrado Basquete receba uma injeção de ânimo. Desta forma, é possível  acreditar que 2020 ficou no passado e que a equipe enfim começará sua trajetória no NBB. Ou seja, se tudo der muito certo, a equipe pode sonhar com uma vaga nos playoffs em seu primeiro ano na elite nacional.

Lucas Ardito Ver tudo

17 anos, estudante, amante de esportes e futuro jornalista!

Um comentário em “A saída de Fuller atrapalhará o Cerrado? Deixe um comentário

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: