Ir para conteúdo

Jovens do Pato Basquete evoluem e equipe supera expectativas no NBB

Equipes jovens e com teto para evolução são sempre muito atrativas aos fãs de basquete. Em alguns casos, o desenvolvimento dos atletas acontece de forma rápida, enquanto em outros é preciso de um pouco mais de tempo. Hoje, no Blog do Souza, o assunto é o Pato Basquete – que em menos de um turno já superou sua campanha na temporada passada, graças à sequência dada ao trabalho da equipe.

Após 12 partidas disputadas na competição nacional, o Pato ocupa a 10ª posição com 5 vitórias e 7 derrotas, totalizando um aproveitamento de 42%. Uma campanha mediana, é verdade. No entanto, é uma evolução gigante para a equipe comandada por Dedé Barbosa.

Vale lembrar que na última temporada, cancelada devido à pandemia, a equipe paranaense disputou 25 partidas, com desempenho de 4 vitórias e 21 derrotas – tendo um aproveitamento de apenas 16%. Ou seja, em quase metade dos jogos, o Pato Basquete já superou seu desempenho em relação à última temporada.

A evolução do time passa muito pela manutenção do trabalho de Dedé Barbosa no comando técnico. Além disso, jovens como o armador Augusto e o ala-pivô Paulo Scheuer tiveram seus contratos renovados com a equipe, e são peças muito importantes no desempenho do Pato em 2020/2021. Não podemos esquecer, é claro, das renovações de Isaac Thornton e Charles Funches III.

Nas contratações, a equipe se movimentou e trouxe como reforços os armadores Matheusinho (por empréstimo, vindo do Flamengo) e Lucas Lacerda (vindo de Mogi), além do ala Gabriel (vindo da Unifacisa).

Jovens se destacando

Com média de 24 anos de idade, o Pato Basquete possui diversos jovens importantes em sua rotação. Entre eles, destacam-se Matheusinho, Augusto, Lucas Lacerda e Paulo Scheuer. Além dos atletas, é válido destacar que o treinador Dedé também é jovem, tendo apenas 43 anos.

  • Matheusinho, 20 anos – 9.5 pontos, 4 rebotes, 3.7 assistências e 11.1 de eficiência em 11 jogos.
  • Augusto, 22 anos – 7.8 pontos, 2.7 rebotes, 1.8 assistência e 7.3 de eficiência em 12 jogos.
  • Lucas Lacerda, 23 anos – 7.3 pontos, 2.9 rebotes, 2.7 assistências e 8 de eficiência em 7 jogos.
  • Paulo Scheuer, 21 anos – 8.2 pontos, 4.8 rebotes e 10.3 de eficiência em 12 jogos.
Paulo Scheuer. Foto: Marcos Limonti

Experiência como cereja do bolo

Se os jovens se destacam, o Pato possui atletas experientes que ajudam a completar essa fusão de idades dentro do elenco. Nomes como Isaac Thornton e Funches III possuem a maior minutagem em quadra dentro da rotação e, inclusive, lideram a equipe em algumas estatísticas.

  • Isaac Thornton, 29 anos – 17 pontos (líder), 3.2 rebotes, 1.8 assistência e 10.7 de eficiência.
  • Charles Funches III, 32 anos – 8.6 pontos, 7.5 rebotes (líder), 1.8 assistência e 11.7 de eficiência (líder).
Isaac Thornton. Foto: Matheus Maranhão

Com um time cada vez mais maduro e Dedé Barbosa tendo sequência no comando técnico, o Pato Basquete segue indo pelas beiradas e se consolidando no NBB. Aliás, não é de se duvidar que a equipe possa beliscar uma vaga entre os oito primeiros da competição.

Lucas Ardito Ver tudo

17 anos, estudante, amante de esportes e futuro jornalista!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: