Ir para conteúdo

Análise Devin Vassell

Universidade: Florida St.

Nacionalidade: EUA

Posição: SG/SF

Altura: 6’7 (2,01)

Peso: 195 lbs (88 Kg)

Envergadura: 6’10 (2,08)

Ano: Sophomore

Idade: 23/08/2000 (20 anos)

Projeção no Draft: Loteria

Comparação: Robert Covington

Melhores Fits: Knicks, Hawks, Wizards, Kings, Pelicans, Celtics

Stats: 12.7 Pts, 5.1 Reb, 1.6 Ast, 1.4 Stl, 1 Blk, 49% FG, 42% 3PT, 74% FT 

Why FSU's Devin Vassell Could Be an NBA Draft Lottery Pick

Função projetada:  

 

Chão: É um wing off ball quase exclusivamente, sua função ofensiva se resume basicamente a arremessar spot ups e arremessar com dois ou três dribles, raramente chega ao garrafão. Defensivamente é excepcional off ball mas on ball tem problemas com contato, então embora seja um ótimo defensor, não All Defensive Team. 

Teto: Um two-way wing excelente. Shooter ótimo que arremessa spot ups mas também pull ups em bom volume, cria muitos arremessos para si. Seu corpo se desenvolve ao ponto de que ele consegue absorver contato em um nível médio, já o suficiente para conseguir atacar o garrafão com uma frequência significativa e finalizar bem lá. Coletivamente sua criação é representativa pela sua gravidade como scorer ser ampliada, mesmo assim não opera o P&R com frequência, mas é um sólido criador secundário ou terciário. Defensivamente é um gênio fora da bola e na bola consegue ser o principal POA defender do time, mesmo que não esteja na elite da liga. É múltiplas vezes um All Defensive Team. 

 

 

 

 

Atletismo/Físico: Vassell é um ala muito longo (envergadura de 6’10) e com boa altura (6’7) que dão a ele uma boa versatilidade para atacar e defender em diferentes posições e funções. Sua velocidade em linha reta é boa, mas nada que saia do normal, boa agilidade, bom deslocamento lateral, explosão horizontal que também não sai do normal, mas é boa para o seu estilo. Sua impulsão é até subestimada, não só ele consegue saltar alto, como sai do chão rápido, o que é um atributo essencial.

Seu equilíbrio ainda tem que ser trabalhado, ele perde estabilidade muito facilmente, em especial quando está em deslocamento lateral, seu centro de gravidade parece ser um pouco mais alto do que o ideal. Um dos pontos mais importantes para evolução é a habilidade de ganhar massa, ele é um jogador claramente com a musculatura não desenvolvida e seu ganho pode ser a diferença entre uma estrela e um jogador “comum” na liga.

Nota: B 

 

 

 

Playmaking/Handling: Vassell muitas vezes é rotulado como um 3&D e esse título vem com a ideia de que ele é exclusivamente um jogador off ball, mas isso não é verdade.

A estrela de FSU tem aspectos de criação muito interessantes. Mesmo com seu usage baixo de 20% ele demonstrou muita habilidade para em poucos dribles criar seu arremesso. Batendo a bola duas ou três vezes ele já consegue um bom espaço para arremessar ou atacar o aro. Consegue fazer pequenas trocas de direção, tem bom trabalho de pés um handling confiável para criar essas situações de vantagem. É preciso notar que ele tem essa criação no drible mas ela tem um limite, ele não executa moves mais complexos e nem atua em alta velocidade.

Passando a bola ele não traz nada incomum. Faz boas leituras encontrando jogadores livres, tem um processamento razoavelmente rápido e executa drive & kicks bem.

Não deve ser confiado uma função muito grande como playmaker e a não ser que sua gravidade como scorer seja muito grande, isso nunca irá acontecer.

Nota: B- 

 

 

 

Shooting: O arremesso junto com a defesa são os pilares do seu jogo. Nas suas duas temporadas universitárias ele arremessou 42% do perímetro, mas na sua segunda temporada é que seu arremesso ganhou muita versatilidade e mais volume. Devin foi de um arremessador quase que somente estático para um jogador extremamente confortável em arremessar em movimento ou saindo do drible. E não só de 3, em bolas longas de 2 Vassell ficou 49-115 (43%) que não só é um aproveitamento bom, mas também um alto volume. A habilidade para converter esses pull ups em alto nível é algo que quase todas as estrelas de perímetro na NBA e pela sua trajetória crescente deve haver muito potencial a se descobrir ainda.

Nota: A 

 

 

 

 

Ataque Interno: Vassell é limitado colocando pressão no aro. Ele não tem a explosão, a força ou o controle de bola necessário para criar constantemente formas de atacar o garrafão. Na sua segunda temporada universitária converteu apenas 1.7 cestas ao redor do aro por partida e destas, apenas 0.63 foram não assistidas o que sustenta o problema. Finalizar sob contato não é sua zona de conforto também, sua estrutura corporal ainda é pouco desenvolvida e não aguenta receber fortes impactos sem perder equilíbrio na finalização, esse é um problema que com mais desenvolvimento físico deve ser minimizado, mas dificilmente o veremos sendo um jogador de alto volume no garrafão. Existem flashes de boas finalizações com o controle corporal e o seu tamanho, mas ainda está em desenvolvimento no geral, o bom toque no nível intermediário pode ser um indicador positivo para o futuro.

Nota:

 

 

 

Defesa: Devin Vassell é um gênio defensivamente. Aos 20 anos ele intelectualmente é absurdamente dominante na defesa. Ele sempre sabe o que está acontecendo na quadra e está três passos na frente de todos antecipando as jogadas. Preenche muito bem as linhas de passe e é disruptivo com seus braços enormes, é um protetor de aro secundário muito bom, tendo a sua disposição não só seu tamanho e seu QI mas também sua impulsão muito funcional para esse tipo de situação, faz dobrar muito agressivas, faz closeouts muito bem com sua ótima desaceleração.

On ball ele ainda precisa de desenvolvimento, seu trabalho de pés precisa ser aperfeiçoado, limita seu deslocamento lateral e tira sua estabilidade. Seu peso baixo limita sua habilidade para conter wings maiores será afetada. Marcar jogadores como: LeBron, Kawhi, Butler, Tatum etc. será impossível sem um ganho grande de massa, é claro que 95% da NBA não é preparada para marcar esse tipo de jogador, mas Vassell tendo a função de especialista defensivo que tem poderia melhorar no quesito. Alguns aspectos positivos da sua defesa on ball é a sua navegação de screens, sua habilidade para contestar arremessos e incomodar o ball handler com suas mão atrapalhando o drible adversário.

Para um shooting guard ele é um reboteiro muito bom também, intenso e integente.

Nota: A

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: