Ir para conteúdo

O LeBron dos playoffs é o melhor defensor da NBA

LeBron James vai para o tocco em Russell Westbrook
LeBron James jogando bafo com bola de basquete

Que LeBron James é um dos melhores jogadores da história da NBA é um fato. Seus números, recordes, títulos e impacto estão todos expostos e são amplamente conhecidos. Mas nos últimos anos uma outra faceta tem se destacado do seu jogo: a defesa. Com o emblemático toco em Andre Iguodala nas finais de 2016, a impressão de que o jogador do LA Lakers é um excelente defensor de cobertura ficou bem marcada. Mas nesses playoffs em especifico James mostrou que é muito mais que isso.

Eric Gordon achou que seria uma boa atacar LeBron James na recuperação. Achou.

Além de ser um excelente defensor de ajuda e ler com uma velocidade impressionante as ajudas defensivas que devem ser feitas, LeBron começou a investir mais energia na defesa do 1-contra-1 (aos 35 anos!!!) e nessa série contra o Houston Rockets está fazendo uma diferença FUNDAMENTAL! Em todas as posses que o jogador que finaliza ela e é marcado pelo camisa 23, o aproveitamento é ABAIXO de 45%. Gordon, Harden, Westbrook e outros estão nessa lista e só mostra quão dominante o veterano é na defesa.

Gordon se iludindo novamente.

Quando vamos para o números quando James está defendendo em situações de isolation as coisas são ainda mais assustadoras. Em apenas 33% das vezes o atacante consegue pontuar contra o King e, contra o Houston, o jogador que mais cai nessa posição de finalização é James Harden, o que complica os objetivos de jogo do Rockets.

Harden também foi iludido.

Esse impacto da defesa individual quando LeBron está marcando os principais jogadores do Rockets é gigante. Sabendo que ele dificilmente vai ceder uma cesta fácil no 1-contra-1, os outros quatro jogadores não precisam se focar na ajuda, o que dificulta cada ação de passe e obriga ainda mais a ação do jogador portador da bola ser finalizar. Com o tamanho e a velocidade de James mais a excelente capacidade de recuperação, isso geralmente quer dizer que os arremessos terão de ser em posições nada confortáveis e de baixo aproveitamento.

1-contra-1 contra LeBron James definitivamente não é uma boa ideia.

Essa mudança de postura e a melhora na defesa individual só mostra o quanto LeBron James consegue a cada temporada melhorar em um aspecto do jogo. Hoje, para escolher qual jogador atacar individualmente dos LA Lakers, atacar o astro definitivamente não é uma boa ideia.

Vitor Hugo Sarvas Ver tudo

Analista de desempenho desde 2014, acredita que a ciência e a prática podem e devem andar juntas. Escrever faz parte da maneira de divulgação científica e mostrar como de fato ambos se completam.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: