Ir para conteúdo

NBA 2K League: invicto em 2020, Raptors é campeão do The TURN

(Foto: Twitter/@NBA2KLeague)

Diferentemente do previsto, o The TURN 2020 da NBA 2K League teve pouquíssimas surpresas. O resultado final então foi o mais esperado possível. Mais um título para o Raptors Uprising GC que segue invicto (13-0 na temporada regular) e com dois torneios de brinde (The TIPOFF e The TURN). Os canadenses levaram para casa 117 mil dólares da premiação total do torneio (260 mil).

O torneio protagonizou uma cena inédita na NBA 2K League. Pela primeira vez os melhores seeds avançaram de fase. As quartas de final foram compostas justamente pelos melhores colocados de 1 a 8 da tabela de classificação. Algo inimaginável de acontecer justamente no torneio que mais promete surpresa pela questão dos bans de archetypes¹.

¹*Archetype é tipo uma classe que já vem com estatísticas e habilidades pré-setadas para os jogadores. Cada posição possui 8 archetypes diferentes. Por exemplo: um pivô Two-Way Athletic Finisher é focado em defesa, rebote e pontuação próximo a cesta, mas é inútil arremessando de média e longa distância; já um pivô Post Scoring Strecht 5 é excelente arremessando de média e longa distância, mas não defende bem e as estatísticas de rebote são baixas também.

LEIA TAMBÉM: NBA 2K League: previsões para o The TURN 2020

Como dito, o The TURN ofereceu pouquíssimos upsets. Foram apenas quatro! Sendo que dois deles nem podem ser considerados surpresa, pois eram times muito parelhos (#3 Wizards eliminando o #2 Jazz nas semis e o #5 Kings eliminando o #4 Warriors nas quartas.)

O #18 Hawks eliminar o #15 Cavs na primeira fase também não chegou a ser surpresa, já que ambos vão mal na temporada. A única grande zebra histórica foi o #22 Lakers Gaming eliminar o #11 Grizz Gaming. LA tem campanha de apenas 2-11 e amarga a penúltima posição na classificação, enquanto Memphis (com 7-7) briga cabeça a cabeça por vaga nos playoffs.

O imparável e invicto Raptors Uprising

 

Assim como no The TIPOFF, o Raptors Uprising GC deixou apenas um jogo pelo caminho, novamente na semifinal. Da outra vez venceu o Gen.G Tigers por 2 a 1,  agora bateu o Kings Guard Gaming pelo mesmo placar.

Porém, o The TURN foi bem mais complicado. Enquanto no TIPOFF os canadenses amassaram em todos os outros jogos, no TURN, o Raptors passou sufoco várias e várias vezes.

Tudo começou nas quartas de final. Após vencer o T-Wolves Gaming (atuais campeões da liga) com facilidade no Jogo 1, o Raptors controlava uma vantagem de mais de 10 pontos durante todo o Jogo 2. Na reta final, o time dormiu e os Lobos tiveram a chance de diminuir a diferença para apenas 1 ponto com poucos segundos no relógio. Mas uma decisão burra pouco inteligente de JMoney em ser fominha freou o comeback.

LEIA TAMBÉM: NBA 2K League: tudo o que você precisa saber sobre os eSports da NBA

Na semifinal, Toronto encarou a reedição da final do The TIPOFF 2020 contra o Kings Guard Gaming. Ao contrário do 2 a 0 tranquilo do último torneio, dessa vez o Raptors passou uma baita aperto. Sacramento liderou boa parte dos três jogos e a defesa sufocou Kenny Got Work a série inteira. O armador precisou adaptar seu jogo e contou com atuações de gala de Timelycook e ReeceMode para vencer o Kings por 2 a 1.

A final contra o Wizards District Gaming foi bem semelhante ao confronto contra o Kings. Novamente a defesa adversária conseguiu baixar a produção de Kenny. Porém, diferentemente do Kings que tinha o calouro Bash voando na armação, Washington viu seu rookie JBM (primeira escolha do Draft 2020) negar fogo e ter atuações apagadas.

Mesmo assim o Raptors ainda teve dificuldades. O Jogo 2 parecia garantido com 13 pontos de liderança no quarto período. Mas Toronto deu outra dormida como contra o T-Wolves e viu a distância cair para três. Kenny perdeu a bola para JustAkward diversas vezes em poucos minutos. Mas a reação do Wizards esbarrou na falta de inspiração de JBM.

O armador Kenny Got Work foi eleito o MVP do The TURN e acumulou o segundo prêmio após também conseguir o feito no The TIPOFF. Essa é a primeira vez que alguém conquista um MVP em mais de um torneio. Os 22.8 pontos de média foram bem longe dos quase 40 que o PG tem na temporada regular. Mas o número se justifica por conta dos archetypes. Kenny jogou quase todos os jogos sem a build Scoring Machine – conhecida como a melhor classe de PG da NBA 2K League atual – por conta dos bans.

O comentarista Jamie “Dirk” Ruiz informou na transmissão que algum jogador da NBA 2K League (que não me recordo quem, perdão) diz “você pode banir o archetype, mas não pode banir o jogador”. E foi justamente isso o que aconteceu no The TURN. Baniram o Scoring Machine de Kenny, mas Kenny achou outras formas de comandar sua equipe e vencer.

Não foi à toa que os melhores times avançaram para as quartas e para as semis do The TURN. O alto números de bans (4 no Jogo 1 e 6 nos Jogos 2 e 3) somados com as dificuldades dos jogos não-presenciais aumentaram muito o skill gap. As melhores builds estão tão boas, que quase todo mundo joga bem com eles. Quando elas são banidas, é preciso ter mais qualidade com os archetypes não tão bons assim. É nessas horas que os melhores jogadores aparecem.

LEIA TAMBÉM: NBA 2K League: as surpresas, as decepções e o que aconteceu na temporada 2020 após nove semanas

O The TURN 2020 separou quem é bom de quem é ótimo. Provou que o Raptors Uprising GC é realmente o time a ser batido. E que vai ser difícil ganhar desse time no meta, porque nem fora do meta conseguiram tirar a invencibilidade de Toronto.

*Acertei o palpite de Raptors campeão. Mas Toronto deu emoção e tentou entregar a paçoca algumas vezes, rs.

Siga o Viny Mathias no Twitter:

Seja um assinante do Blog do Souza por somente 7 ou 10 reais por mês:

 

 

 

 

Siga o Blog do Souza nas redes sociais:

 

 

 

Viny Mathias Ver tudo

Jornalista e ala-armador nos tempos de UFF! Fã de esportes, eSports, de quase tudo que os norte-americanos usam bola (até golfe) e de futebol. Já dei meu pitacos na Globo, no The Playoffs, na Rise Esportes e no eSports Brasil. Provavelmente sou a única pessoa que escreve em PT-BR sobre a NBA 2K League!

Um comentário em “NBA 2K League: invicto em 2020, Raptors é campeão do The TURN Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: