Ir para conteúdo

NBA 2K League: tudo o que você precisa saber sobre os eSports da NBA

(Foto: NBAE/Getty Images)

A NBA 2K League é a liga competitiva de videogame da NBA. A entrada no cenário de eSports surgiu de uma parceria entre a National Basketball Association e a Take-Two Interactive (dona da 2K Games e da 2K Sports, publicadoras dos jogos da série NBA 2K). Em ação desde 2018, a 2KL é a primeira liga de eSports operada por uma liga profissional de esporte nos Estados Unidos.

Diferentemente do Fifa, que ainda mantém suas raízes no single player e nos consoles, a NBA 2K League seguiu os moldes dos maiores jogos eletrônicos do mundo no cenário competitivo, como LoL e CS. Adaptando as particularidades do basquete com o princípio de disputas por times no PC, a NBA 2K League é realmente uma projeção no videogame do que a NBA é na vida real.

A liga tem canais na Twitch e no YouTube onde acontecem as transmissões dos jogos. Nesta terceira temporada, a ESPN 2 dos Estados Unidos tem transmitido as partidas com frequência, além de disponibilizar no aplicativo da emissora. No Brasil, a ESPN 2 também passou alguns dias de competição no início da quarentena.

Formatos e regras da NBA 2K League

A estrutura da NBA 2K League é bem semelhante a da NBA. Também há Drafts, Combines, entrevistas e etc. Para ficar elegível para o Draft, os jogadores devem enviar uma aplicação online, vencer 50 jogos e ter aproveitamento de no mínimo 50% de vitórias nos modos Pro-Am ou The Rec no NBA 2K mais recente. O período de inscrição e os prazos variam de acordo com o ano.

A cerimônia do Draft é exatamente igual a da NBA. Vários jogadores elegíveis são convidados para o evento, onde o diretor da NBA 2K League, Brandon Donohue, anuncia os escolhidos e entrega os bonés de suas respectivas franquias. Todos os times possuem instalações nos seus locais, onde os jogadores dormem, treinam e etc. As equipes viajam para Nova York para disputar os jogos de forma presencial em um estúdio. Também já tiveram torneios em Las Vegas e Orlando.

NBA 2K League: comissário da NBA, Adam Silver participou do primeiro Draft da liga em 2018 (Foto: Mike Stobe/Getty Images)

A temporada regular é de jogo único. Já os playoffs tiveram alterações com o tempo. Em 2018, a primeira rodada foi jogo único e as fases seguintes em melhor de três. Em 2019, todos os rounds foram em melhor de três, exceto a final em melhor de cinco.

A grande diferença da NBA, é que a 2K League possui três torneios durante a regular season que valem dinheiro. São eles: The TIPOFF, The TURN e The TICKET. Além da grana, o The TICKET garante uma vaga nos playoffs da temporada correspondente. Todos os jogos são realizados em quatro quartos de seis minutos. Cada equipe possui seis atletas no elenco, mas só é permitido levar cinco para os jogos.

*Devido a pandemia do coronavírus causador da Covid-19, a temporada regular de 2020 sofreu alterações. A disputa por ser de forma remota (os times jogam online de suas instalações) virou melhor de três (quem vence a série, seja por 2 a 0 ou por 2 a 1, adiciona uma vitória na tabela de classificação). A 2KL estudava colocar o sexto jogador no banco e permitir substituições em 2020, mas isso ficou impossível devido ao formato remoto.

Os archetypes (classes, builds, etc)

Assim como outros jogos competitivos possuem suas classes, builds, guildas, campeões e coisas parecidas, a NBA 2K League possui seus archetypes. Não há jogadores reais da NBA no competitivo. Cada pro player deve selecionar um dos diversos archetypes que já possuem suas estatísticas pré-definidas. Todas deixam o jogador com 92 de classificação geral. Só é possível mudar o visual do avatar (cabelo, acessórios, números da camisa e qualquer outro aspecto estético).

*O vídeo acima contém uma rápida explicação em inglês das classes de PG. Não vale se aprofundar nisso por agora, mas só as imagens já mostram como é complexo entender as particularidades de cada archetype.

São oito archetypes para cada posição e 25 no total, já que nem todos estão disponíveis para as cinco posições. Por exemplo, um armador não terá a classe Glass Cleaner que é de jogadores de garrafão, e nem um pivô terá a classe Scoring Machine que é de armadores. Cada archetype ainda tem um estilo de Takeover (uma habilidade especial carregada após fazer várias jogadas eficientes). O peso e a altura também são pré-definidos pelos archetypes, sendo impossível modificar manualmente.

Esse é um terreno bem complexo e longo que não vale entrar em detalhes agora. Quem sabe role um especial mais para frente, não é? Por enquanto vamos focar em conhecer mais da NBA 2K League. Por exemplo: quem são os participantes.

As 23 franquias da NBA 2K League

Como o subtítulo já entrega, a conta não bate, já que a NBA possui 30 franquias. Pois bem, oito times da NBA não estão presentes até agora na NBA 2K League. São 22 equipes associadas às franchises e uma organização coreana (com sede na China que possui instalações em Los Angeles).

Quem NÃO está na 2KL: Chicago Bulls, Denver Nuggets, Houston Rockets, Los Angeles Clippers, New Orleans Pelicans, Oklahoma City Thunder, Phoenix Suns e San Antonio Spurs. No ano de estreia (2018) foram 17 participantes, que se expandiram para 21 em 2019 e se tornaram as 23 atualmente em 2020.

NBA 2K League: as 23 franquias da NBA 2K League, sendo 22 afiliadas à NBA (Foto: Divulgação/2kleague.nba.com/league-info/

Apesar de associadas às franquias da NBA, as equipes da NBA 2K League possuem logos, uniformes e identidades visuais diferentes. Apenas o nome da franquia é mantido ou encurtado (como Mavericks virando Mavs).

  • 2018 (1ª temporada) – 76ers GC, Blazer5 Gaming, Bucks Gaming, Cavs Legion GC, Celtics Crossover Gaming, Grizz Gaming, Heat Check Gaming, Jazz Gaming, Kings Guard Gaming, Knicks Gaming, Magic Gaming, Mavs Gaming, Pacers Gaming, Pistons GT, Raptors Uprising GC, Warriors Gaming Squad e Wizards District Gaming;
  • 2019 (2ª temporada) – Hawks Talon GC, Lakers Gaming, NetsGC e T-Wolves Gaming;
  • 2020 (3ª temporada) – Gen.G Tigers of Shanghai e Hornets Venom GT.

Os campeões

Olá, tudo bem? Sim estou saudando você que pulou todo o textão acima e veio direto saber se o seu time já foi campeão. Se você sofre com sua franquia na NBA, então talvez a NBA 2K League seja o seu lugar. Duas torcidas sofridas na NBA real já gritaram “é campeão!” na NBA virtual. O Knicks Gaming (NEW YORK KNICKS!) foi o vencedor em 2018 e o T-Wolves Gaming (MINNESOTA TIMBERWOLVES!) levou em 2019.

O curioso é que ambos não estavam entre os favoritos e tiveram histórias de superação para chegar ao título. O Knicks Gaming terminou a temporada regular de 2018 com uma campanha de 5-9, na 14ª colocação entre 17 equipes. Porém, Nova York foi campeão do The TICKET e assegurou sua vaga nos playoffs. No momento do torneio, o Knicks estava 4-7 e suas chances pela temporada regular eram baixíssimas (o que se comprovou, já que o último classificado terminou 8-6).

NBA 2K League: Knicks Gaming foi o campeão inaugural em 2018 (Foto: NBAE/Getty Images)

Nos playoffs, o Knicks Gaming quebrou a banca ao eliminar o #1 da temporada regular, Blazer5 Gaming (12-2), na primeira rodada por 1 a 0. Depois, NY eliminou o Cavs Legion GC por 2 a 1 nas semis e foi campeão com um 2 a 0 para cima do Heat Check Gaming. O ala NateKahl foi eleito o MVP das finais.

Já o T-Wolves Gaming viveu um drama na temporada regular e não pode se escorar no The TICKET. Após um começo fraco com 1-3, o ala-armador e estrela do time Brandon “Hood” Caicedo quis sair e exigiu uma troca. Os Lobos trouxeram Jordan “JMoney” Martinez do Heat na trade com Hood. JMoney demorou um pouco para engrenar em Minnesota e o T-Wolves chegou a estar 3-6. Uma situação quase irreversível.

Os Wolves começaram a enfileirar vitórias e quando foram ver estavam com seis consecutivas. Para não depender de nenhum outro resultado, o time precisava da sétima vitória na última rodada da temporada regular. O adversário era o melhor time da season, novamente o tal do Blazer5 Gaming com sua campanha de 14-1! O T-Wolves estava perdendo, mas virou com uma cesta de três at the buzzer e se classificou para a pós-temporada.

NBA 2K League: T-Wolves Gaming estreou sendo campeão em 2019 (Foto: Twitter/@TWolvesGaming)

Nos playoffs, os Lobos bateram o Kings Guard Gaming por 2 a 0 na primeira rodada. Nas semis, eliminou por 2 a 0 o Warriors Gaming Squad (campeão do The TURN e do The TICKET e que eliminou o Blazer5 no round 1). Na final melhor de cinco, o T-Wolves Gaming venceu o 76ers GC (campeão do The TIPOFF) por 3 a 2.

A série teve o carimbo da lei do ex com Mihad “FEAST” Feratovic. O pivô foi selecionado pelo Wolves no Draft de Expansão 2019 após jogar 2018 pelo 76ers e não ser um dos atletas protegidos pela equipe (Philly escolheu Radiant e Steez). Michael “BearDaBeast” Key foi eleito o MVP das finais.

‘Tigrão’ na temporada regular e ‘tchutchuca’ nos playoffs

Pegando um gancho desse célebre momento da nossa grande política brasileira, estamos aqui para dar munição para os cornetas. É da natureza humana procurar culpados e chamar jogador/time de pipoca ou amarelão. Não é, LeBron? Não é, Dirk? Dito isso, temos aqui o Blazer5 Gaming e sua ALERGIA a playoffs.

Como já citado acima, o time afiliado ao Portland Trail Blazers foi o “campeão” das duas temporadas regulares até agora na história da NBA 2K League. O PDX5 terminou 2018 com uma campanha de 12-2. Em 2019 foi ainda mais impressionante, após perder na estreia, o Blazer5 engatou 14 vitórias seguidas antes de perder na última partida da regular season e terminar 14-2.

Nos playoffs da NBA 2K League a coisa muda de figura. O time caiu duas vezes para o vencedor do The TICKET. Em 2018 para o Knicks Gaming (5-9) e em 2019 para o Warriors Gaming Squad (7-9). Ambos nem estariam classificados pela temporada regular. Nada como um bom um time que somando os dois anos teve 26-4 perder para um combinado de 12-18…

Os MVPs da NBA 2K League

Com esse domínio de temporada regular, não é surpresa para ninguém que os dois MVPs da história da NBA 2K League tenham sido ambos do Blazer5 Gaming.

Primeiro o pivô Dayne “OneWildWalnut” Downey foi eleito em 2018. Walnut teve média de 21.1 pontos, 14 rebotes, 2.2 assistências, 2.6 tocos e 2.2 roubos por jogo. O center liderou a liga em rebotes totais, tocos e foi o segundo em roubos. OneWildWalnut ainda ganhou o prêmio de defensor da temporada, além de ser o primeiro a fazer um jogo de 30 pontos e 20 rebotes.

NBA 2K League: Mama Im Dat Man é o atual MVP da liga (Foto: Twitter/@NBA2KLeague)

Depois foi a vez do armador Nidal “Mama Im Dat Man” receber o prêmio de Most Valuable Player em 2019. Mama liderou todos os point guards em pontos, cestas de 3, em todas as outras estatísticas avançadas ofensivas. Suas médias foram de 23.1 pontos, 11.6 assistências (2º na liga) e 1.4 roubos por jogo. Im Dat Mam ainda teve 56.2% de aproveitamento nos arremessos de quadra e 52,1% nas bolas de três.

The TIPOFF, The TURN e The TICKET – os campeões até agora

Uma novidade da NBA 2K League em relação a NBA é a adição de torneios durante a temporada regular. Um no início (The TIPOFF), um no meio (The TURN) e outro no final (The TICKET). Todos dão premiação em dinheiro e o último também garante ao vencedor uma vaga nos playoffs.

Confira quem ganhou cada torneio desde 2018. Lembrando que em 2020 apenas o The TIPOFF foi disputado até a data de publicação deste post maravilhoso.

  • The TIPOFF 2018: 76ers GC;
  • The TURN 2018: Blazer5 Gaming;
  • The TICKET 2018: Knicks Gaming;
  • The TIPOFF 2019: 76ers GC;
  • The TURN 2019: Warriors Gaming Squad;
  • The TICKET 2019: Warriors Gaming Squad;
  • The TIPOFF 2020: Raptors Uprising GC.
NBA 2K League – Raptors Uprising GC é o atual campeão do The TIPOFF (Foto: Twitter/@RaptorsGC)

Playoffs? Nunca nem vi

Apesar de muito cedo ainda para julgar, alguns times ainda não foram aos playoffs. Obviamente Hornets Venom GT e Gen.G Tigers estarão fora dessa lista, já que a temporada de estreia de ambos é a de 2020 que ainda está em curso.

Dos 17 times inaugurais, apenas quatro seguem na seca (sendo que o Jazz está quase garantido na pós-temporada de 2020). Das quatro franquias que estrearam em 2019, três não foram aos playoffs (Hawks, Lakers e Nets), por outro lado, a única que foi acabou sendo campeã (T-Wolves).

Times com duas temporadas e que não foram aos playoffs nenhuma vez: Bucks Gaming, Grizz Gaming, Jazz Gaming e Magic Gaming.

Em 2020…

Como o texto já tá longo (e é bom segurar conteúdo para os próximos posts), vamos contar na próxima semana o que está rolando de bom (e talvez de ruim) nesta terceira temporada da NBA 2K League.

Um spoiler rápido: o Blazer5 Gaming já perdeu mais jogos em 2020 do que em 2018 e 2019 somados. Vish!

Siga o Viny Mathias no Twitter:

 

 

Seja um assinante do Blog do Souza por somente 7 ou 10 reais por mês:

 

 

 

 

Siga o Blog do Souza nas redes sociais:

 

 

 

 

Viny Mathias Ver tudo

Jornalista e ala-armador nos tempos de UFF! Fã de esportes, eSports, de quase tudo que os norte-americanos usam bola (até golfe) e de futebol. Já dei meu pitacos na Globo, no The Playoffs, na Rise Esportes e no eSports Brasil. Provavelmente sou a única pessoa que escreve em PT-BR sobre a NBA 2K League!

5 comentários em “NBA 2K League: tudo o que você precisa saber sobre os eSports da NBA Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: