Ir para conteúdo

Jaylen Brown dirige 15 horas de Boston para liderar protestos pacíficos em Atlanta

O armador do Boston Celtics, Jaylen Brown, liderou uma marcha pacífica de protesto por Atlanta na noite de sábado.

Brown, que transmitiu parte da marcha ao vivo por meio de sua conta no Instagram e também postou vídeos de discursos em sua página, disse durante a transmissão ao vivo que dirigiu 15 horas de Boston para protestar em Atlanta, a cerca de 20 minutos de carro de sua terra natal, Marietta (Georgia).

https://www.instagram.com/p/CA1dHNzFWY_/

“Eu dirigi 15 horas para chegar em Geórgia, minha comunidade”, disse Brown. “Este é um protesto pacífico. Ser uma celebridade, ser jogador da NBA, não me exclui de nenhuma conversa. Antes de mais, sou um homem negro e membro desta comunidade. … Estamos conscientizando sobre algumas das injustiças que estamos vendo, não está tudo bem”.

“Quando jovem, você precisa ouvir nossa perspectiva. Nossas vozes precisam ser ouvidas. Tenho 23 anos. Não conheço todas as respostas. Mas sinto como todo mundo está se sentindo, por com certeza. Sem dúvida”.

LEIA TAMBÉM: Dwane Casey sobre a morte de George Floyd: “Agora é a hora da mudança real”

Brown, que é vice-presidente da Associação Nacional de Jogadores de Basquete, marchou com um megafone enquanto segurava uma placa que dizia “Não consigo respirar”, uma referência à morte de George Floyd em Minneapolis na segunda-feira.

Floyd, que é negro, morreu depois que Derek Chauvin, um policial branco, se ajoelhou no pescoço por vários minutos. A morte de Floyd abalou a comunidade de Minneapolis e provocou protestos em cidades dos Estados Unidos.

Brown se juntou a outro vice-presidente da NBPA – Malcolm Brogdon, armador do Indiana Pacers – e também ao jogador Justin Anderson, que jogou com Brogdon em Virgínia e atualmente está na G-League com o Long Island Nets e o rapper Lil Yachty.

“Lidando com os mesmos touros —. Isso é sistemático. Construímos esta cidade. Esta é a cidade negra mais orgulhosa de mundo. No mundo, cara. Vamos nos orgulhar disso. Vamos concentrar nossa energia. Vamos aproveitar isso juntos”, disse Brogdon aos manifestantes em um vídeo postado na página do Instagram de Brown.

“Este é um momento. As pessoas vão olhar para trás, nossos filhos vão olhar para trás e dizer: ‘Você fez parte disso.’ Eu tenho um avô que marchou ao lado de [Martin Luther King Jr.] nos anos 60, e ele foi incrível. Ele ficaria orgulhoso de nos ver todos aqui. Temos que continuar avançando. Precisamos de mais líderes”.

Brown também twittou na noite de sábado que três pessoas que fizeram parte do protesto pacífico foram presas.

O protesto foi apenas uma das dezenas em todo o país no sábado.

O ex-jogador da NBA Stephen Jackson, amigo de longa data de Floyd, participou de um protesto em Minneapolis na sexta-feira ao lado do pivô Karl-Anthony Towns e do armador Josh Okogie, ambos do Minnesota Timberwolves.

Seja um assinante do Blog do Souza por somente 7 ou 10 reais por mês:

 

 

 

 

Siga o Blog do Souza nas redes sociais:

 

 

 

 

Categorias

NBA

Tags

, ,

Felipe Souza Ver tudo

Sou o criador do site HSBasketballBR, Blog do Souza e fui co-criador do Live College BR. Fui o primeiro brasileiro a escrever sobre high school para um site americano, o D1Vision. Trabalhei para a Liga Super Basketball como repórter e assessor de imprensa. Também escrevi para os blogs como Jumper Brasil e TimeOut Brasil, tive textos publicados pelo Bala Na Cesta. Trabalho de Scout nas horas vagas e acredito que o estudo diário do basquete, me faz um profissional melhor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: