Ir para conteúdo

As equipes da WNBA precisam definir os seus elencos até o dia 26 de maio

As equipes da WNBA precisarão diminuir os seus elencos para 12 atletas até 26 de maio, para que as jogadoras possam começar a receber a partir de 1º de junho, disse uma pessoa ligada a competição à Associated Press.

A liga e o sindicato das jogadoras ainda estão trabalhando em alguns detalhes como: por quanto tempo os salários serão pagos neste período e quais os valores. Essas negociações dependem amplamente da duração e data de início da temporada.

As jogadoras que forem liberadas na próxima semana não serão pagas, mas receberão benefícios até 30 de junho, disse a pessoa à AP. A WNBA ofereceu benefícios de saúde para as novatas a partir de 1º de maio. Jogadoras veteranas recebem benefícios durante todo o ano.

As equipes geralmente precisam reduzir suas listas para 12 atletas antes do início da temporada regular, o que ocorreria no fim de semana passado. A liga adiou o início da temporada no início de abril por conta da pandemia de coronavírus.

LEIA TAMBÉM: Hall da Fama do basquete feminino será reaberto em junho

Reduzir a lista não é sinal de que a liga começará em breve. Na sexta-feira, a comissária da WNBA, Cathy Engelbert, disse à AP que a liga está se concentrando em alguns cenários para jogar no verão americano. Cathy disse que era importante que as jogadoras fossem pagas em 1º de junho – a data em que estavam programados para começar a receber o pagamento pela temporada antes da pandemia.

A maioria das equipes já reduziu suas listas para 15 jogadoras, com alguns já com 12. Vai ser difícil para algumas equipes reduzir para 12 sem ver atletas treinando. O New York Liberty tinha 15 jogadoras em sua lista na noite de terça-feira. Dessas, seis são novatas.

Categorias

WNBA

Tags

,

Felipe Souza Ver tudo

Sou o criador do site HSBasketballBR, Blog do Souza e fui co-criador do Live College BR. Fui o primeiro brasileiro a escrever sobre high school para um site americano, o D1Vision. Trabalhei para a Liga Super Basketball como repórter e assessor de imprensa. Também escrevi para os blogs como Jumper Brasil e TimeOut Brasil, tive textos publicados pelo Bala Na Cesta. Trabalho de Scout nas horas vagas e acredito que o estudo diário do basquete, me faz um profissional melhor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: