Demais Times NBB

Minas começa a colher frutos após grande mudança no elenco para essa temporada

O Minas Tênis Clube parece ter seu nome configurado de vez como uma das principais equipes do país. Após alguns anos de resultados rasos, meios de tabelas e sem grandes expectativas, a diretoria do time mineiro se juntou aos seus patrocinadores e decidiu por mudar quase todo o seu elenco para a atual temporada.

Apesar de demorar para engrenar no começo, muito pela falta de entrosamento, a estrela de alguns destaques individuais começaram a brilhar, fazendo com que crescessem na tabela. Apesar da paralisação e a incerteza do NBB devido a pandemia, os mineiros fecharam a temporada na 4ª posição e com vaga direta as quartas-de-final dos playoffs.

O nono colocado na temporada passada, o Minas não passou das oitavas-de-final, ao perder para o Bauru. No seu elenco, existiam boas peças que acabaram servindo ao mercado após a competição. Isso por que o time decidiu se desfazer de jogadores como Gegê, Coleman, Jefferson Campos, Leozão, Paranhos e Wesley Castro, esse último eleito o jogador que mais evoluiu naquele ano. A ideia era mudar a cara do plantel com jogadores consagrados no cenário nacional.

O ala e ídolo da torcida brasileira, Leandrinho, foi uma das poucas peças remanescentes do elenco. Ele contribuiu nos bastidores para a chegada de grandes nomes, usando as suas amizades que conquistou dentro do basquete e, claro, sua farta experiência.

Alex Garcia fechou e foi a grande contratação do Minas para a temporada. Ala-armador com conquistas do NBB pelo Bauru e Brasília, além de títulos nacionais e longo tempo na seleção brasileira, ele revelou que Leandrinho conversou com ele e o atraiu para fechar com os mineiros, já que existiam muitas equipes atrás do seu basquete.

Outro indicado por Leandro Barbosa foi o ala-armador estadunidense Brent Jackson Jr, que treinou com ele nos EUA. O americano ainda não ganhou tanto destaque, mas ainda se espera que seu basquete tenha uma evolução nas próximas partidas.

O ala Gui Deodato e o pivô Tyrone Curnell, que fizeram muito sucesso jogando pelo Mogi das Cruzes, também foram contratados pelo Mogi a peso de ouro. Completam a lista os jogadores Davi Rossetto, Farad Cobb, Shilton, Alexei e Devon Scott.

Para o Jogo das Estrelas desse ano, que foi adiado, o Minas forneceu 4 atletas escolhidos pelo público. Leandrinho seria titular e Alex Garcia reserva pelo time do Brasil. Já pelo mundo, Devon Scott entre os principais e Tyrone como suplente.

Existe uma expectativa muito grande em cima desse time para a volta do basquete no Brasil. O Minas parecia engrenar antes da parada e, para o bem do NBB, esperamos que volte ainda melhor para que o campeonato ganhe mais brilho.

Siga o Paulo no Twitter:

 

 

 

Seja um assinante do Blog do Souza por somente 7 ou 10 reais por mês:

 

 

 

 

Siga o Blog do Souza nas redes sociais:

 

 

 

 

 

0 comentário em “Minas começa a colher frutos após grande mudança no elenco para essa temporada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: