Ir para conteúdo

Caio Pacheco fala sobre a sua temporada na Argentina e afirma: “minha meta profissional é ser o melhor jogador que eu possa vir a ser”

O ano de 2020 acabou de começar, mas um brasileiro vem chamando a atenção dos jornalistas hermanos desde o ano passado. O jovem brasileiro Caio Pacheco chegou no Bahía Basket para atuar na base e rapidamente mostrou o seu valor, garantindo assim uma vaga na equipe adulta.

O armador de 20 anos que tem passagens por clubes paulistas na base, como Limeira, Rio Claro e por último o Palmeiras, foi levado para a equipe argentina por um olheiro que gostou do seu estilo de jogo. O desempenho dele chama tanta atenção, que ele foi convocado para defender o Brasil pelo Sul-Americano sub-21 em que terminamos conquistando o título.

Para se ter uma ideia do bom desempenho dele na Liga Argentina, Caio atualmente tem médias de 16.7 pontos, 2.7 rebotes e 6.7 assistências por jogo. 

Mas você conhece o jovem prospecto brasileiro? Para nos ajudar a saber mais sobre ele, eu convidei o jornalista Lucas Rocha (Jovem Pan de Bauru) para se juntar a mim nessa primeira entrevista do ano.

Confira!

Blog do Souza – Como você começou no basquete, e qual a influência do seu pai (Alvaro, ex-armador) nesse processo?

Caio Pacheco – Creio que comecei no basquete nos primeiros anos de vida, já que tinha meu pai jogando e minha mãe que também jogou quando era nova. Desde os meus primeiros passos, já tinha a bola na mão. A influência do meu pai é muito grande obviamente, porque tive a oportunidade de ver ele jogar no final da carreira e foi o principal responsável por essa minha paixão que é o basquete.

Blog do Souza – Qual a principal diferença na maneira de jogar e conduzir uma equipe no Brasil e na Argentina?

Caio Pacheco – Eu não tive a oportunidade de jogar adulto no Brasil, mas creio que as duas ligas estão passando por um momento muito bom e parelho onde existem equipes muito boas em ambas. E pela experiência que tenho na Argentina, realmente é uma liga muito complicada onde você tem que dar 100% todas as noites na quadra, para ter chances de vitória e não acredito que no Brasil seja muito diferente.

Blog do Souza – O fato de estar ao lado de mais brasileiros no Bahía foi importante para sua adaptação?

Caio Pacheco – Com certeza a presença de brasileiros no time me ajudou muito na adaptação, no começo fomos somente em 2 e realmente os primeiros meses seriam muito mais duros se não estivéssemos um ajudando ao outro.

Blog do Souza – Como tem avaliado essa nova temporada com mais tempo de quadra no adulto?

Caio Pacheco – Nessa nova temporada venho tendo muitos minutos de quadra e também estão me dando muita confiança de todo o corpo técnico para que jogue tranquilo e venho me sentindo muito bem. Sou muito feliz em Bahía, a verdade é que a estrutura e tudo por lá realmente me faze sentir em casa. 

Blog do Souza – Você imaginava que renderia tão bem em pouco tempo na Argentina?

Caio Pacheco – Sempre soube que com o trabalho se colhem os frutos, creio que trabalhei e sigo trabalhando muito e tudo que vem acontecendo na minha carreira é fruto disso. Também sei que tenho muito mais pela frente por conquistar. Tive uma adaptação muito rápida e ter ao seu lado uma pessoa como Pepe Sanchez, que me vem ajudando muito em meu crescimento não somente dentro da quadra mas como fora dela, é realmente algo muito diferente. Um cara com o patamar dele e com toda a sua trajetória é no mínimo especial.

Blog do Souza – Pensa em voltar ao Brasil neste momento da carreira?

Caio Pacheco – Trato de não pensar muito no que vai acontecer e sim viver o presente. Hoje seria fazer a melhor temporada possível em Bahia e como disse, seguir trabalhando muito para que em um futuro próximo possa colher esses frutos independente de onde esteja. Seja na Argentina, no Brasil ou em qualquer outro lugar.

Blog do Souza – Qual a sua meta profissional?

Caio Pacheco – Creio que minha meta profissional é ser o melhor jogador que eu possa vir a ser, independente de onde isso possa me levar. Obviamente tenho alguns sonhos de alçar voos mais altos que seria jogar na Europa ou quem sabe um dia na NBA, mas eu deixo para pensar nisso no futuro. Agora tenho que ser o melhor Caio possível dentro da quadra, com as ferramentas que tenho e seguir melhorando-as.

Foto: Guillermo Giagante

Seja um assinante do Blog do Souza por somente 7 ou 10 reais por mês:

 

 

 

 

Siga o Blog do Souza nas redes sociais:

 

 

 

 

 
 
 

Felipe Souza Ver tudo

Sou o criador do site HSBasketballBR, Blog do Souza e fui co-criador do Live College BR. Fui o primeiro brasileiro a escrever sobre high school para um site americano, o D1Vision. Trabalhei para a Liga Super Basketball como repórter e assessor de imprensa. Também escrevi para os blogs como Jumper Brasil e TimeOut Brasil, tive textos publicados pelo Bala Na Cesta. Trabalho de Scout nas horas vagas e acredito que o estudo diário do basquete, me faz um profissional melhor.

7 comentários em “Caio Pacheco fala sobre a sua temporada na Argentina e afirma: “minha meta profissional é ser o melhor jogador que eu possa vir a ser” Deixe um comentário

  1. Moro em Rio Claro, conheço a família e o obviamente o Caio. Ele no fundo sabe que vai longe, pela sua educação, pelo seu foco, pela sua determinação e por acreditar piamente que sempre dá prá melhorar. Parabéns Caio. 👍👏👏

    Curtir

  2. O Caio é um excelente atleta e uma pessoa singular. O “baixinho” , como costumo chama-lo, segue o exemplo do Pai. Trabalha muito e trata sua profissão muito a sério. Com certeza em muito breve colherá mais frutos além do q já conquistou! Parabéns *”baixinho”*!! Grande abraço, sucesso, saúde e paz!

    Curtir

Deixe uma resposta para Alex BeckerCancelar Resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: