WNBA

Monique Currie se aposenta e começa uma nova carreira na Nike

Monique Currie do Washington Mystics anunciou a sua aposentadoria da WNBA, mas ela está indo para uma nova aventura fazer outra coisa que ela ama.

View this post on Instagram

It’s my birthday today but 2019 has really been a tough year for me! Shed more thug tears these past two months than I’ve done in my entire life. I lost my grandma in January and my uncle this month so it’s been rough. Despite it all there’s much to be grateful for and I’m excited about my 36TH year on this earth! So many changes to come! I’m officially retired from the WNBA and will be moving to Portland to work at NIKE’s headquarters! This is a sneaker heads dream come true! Thank you to all that have supported me along the way, I appreciate you more than you know. Let the turn up begin 🤗 Meet me at my favorite spot tonight! You already know 😎

A post shared by Monique Currie 🌎🌏🏀🏀🍗🍗🍪🍪 (@mocurrie) on

Currie irá trabalhar na sede da Nike em Portland, Oregon, onde será gerente da linha de produtos para roupas esportivas, pulseiras e calçados da marca esportiva.

“Basicamente, serei a pessoa entre o consumidor e a Nike. Vou ter a missão de descobrir o que as pessoas gostam e o que não gostam”, disse Currie.

“É basicamente o que eu faço de qualquer forma: eu amo tênis. Vai ser diferente de jogar, mas estou super empolgada com isso.”

Currie espera ajudar a divulgar a WNBA e pensar em produtos para as jogadoras.

“Eu sempre vou ser uma defensora do basquete feminino para conseguir a exposição adequada”, disse Currie. “Terei a chance de conhecer as pessoas que tomam essas decisões. E basta falar no ouvido delas para que saibam o quão importante é o basquete feminino para tantas pessoas. Espero que eu possa ser uma porta voz.”

Ela vai se mudar em breve e começa oficialmente a sua nova fase no dia 1º de abril. Ela brincou dizendo que a parte mais difícil do movimento será decidir qual de seus muitos pares de sapatos irá para Portland com ela.

Currie, que é natural de Washington, D.C., foi uma estrela em Duke nas temporadas de 2001 a 2006, onde jogou duas vezes a Final Four Feminina (2002, 2006). Com Duke ela também foi para a Final Four em 2003, mas Currie foi redshirt na temporada 2002-03 com uma lesão no joelho.

Currie foi duas vezes WBCA All-American com os Blue Devils, com média de 15,2 pontos e 6,2 rebotes. Ela foi MVP do torneio da ACC de 2002 como caloura e a jogadora do ano da ACC em 2006 como júnior. Vale lembrar que o Blue Devils perdeu o jogo do campeonato nacional de 2006 na prorrogação para Maryland em seu último ano.

No dia seguinte, ela foi a 3ª escolha geral pelo Charlotte Sting estando atrás somente da Seimone Augustus (Minnesota) e a Cappie Pondexter (Phoenix) no draft da WNBA. Currie jogou 13 anos na elite feminina, embora sua temporada de 2011 tenha se limitado a quatro jogos por causa de uma lesão.

Depois que Charlotte se separou depois de seu ano de estreia, ela foi a primeira escolha do draft por Chicago, e depois foi negociada para os Mystics. Ela jogou pelo Washington de 2007-2014. Currie passou a temporada de 2015 no Phoenix, foi negociada para San Antonio em 2016 e, em seguida, retornou para Phoenix durante a temporada de 2017. No ano passado, ela jogou sua última temporada de volta com os Mystics novamente.

Currie jogou 411 jogos de temporada regular na WNBA, tendo médias de 10,3 pontos e 4,1 rebotes. Em 23 jogos de playoff na carreira, ela teve uma média de 6.4 PPG e 3.5 RPG.

“O mais divertido que tive em minha carreira foi apenas estar com minhas colegas de equipe, construindo relacionamentos”, disse Currie. “E jogar nas finais no ano passado foi o mais longe que eu fui na minha carreira na WNBA, e foi uma grande experiência. Nós não vencemos, mas estar nas finais foi incrível.”

Currie também jogou no exterior, esteve na Coréia, Espanha, Romênia, Turquia, Itália, Polônia, Rússia e Israel.

“Mo [Curre] é um dos competidores mais ferozes que já tive o privilégio de treinar”, disse Gail Goestenkors, ex-treinador da Duke. “Ela continuou evoluindo o seu jogo e abraçou novos desafios. Ela estava e está sempre procurando aprender e crescer. Eu não tenho dúvidas de que ela continuará a ter sucesso neste próximo capítulo de sua vida.” 

Siga o Blog do Souza nas redes sociais:

 

 

 

 

Anúncios

Categorias:WNBA

Marcado como:, ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: